of 17

Views Para SQL Server

Published on May 2018 | Categories: Documents | Downloads: 2 | Comments: 0
144 views

Comments

Content

Claudio Stein Junior

Views são instruções SELECT já prédefinidas e armazenadas no an!o de dados



C"E#TE V$E% &'iew(name) #S &instrução(SELECT)



C"E#TE V$E% V(T#*+ #S SELECT C, . /,0E 1",0 T#*EL#+



SELECT C, 1",0 V(T#*+ %2E"E /,0E 3 4Claudio5 



etal6e7 no e8emplo a!ima s9 poder:amos utilizar os dois !ampos da 'iew. C, e /,0E; 0esmo <ue a taela ase =T#*EL#+> possua mais !ampos não poder:amos nos referir a eles. pois eles não !onstam na definição da 'iew;



SELECT ? 1",0 T#*EL#+





Esta práti!a. além de não ser re!omendada por moti'os de performan!e. pode @erar um prolema7 'amos supor <ue futuramente [email protected]ém in!lua um !ampo na taela ase =T#*EL#+>; 0esmo !om o ? na definição da 'iew o no'o !ampo /A, é retornado; B ne!essário [email protected] a 'iew e !riá-la de no'o; B importante tamém lemrar <ue todos os !ampos =!al!ulados ou não> referen!iados na 'iew de'em possuir um nome. <ue de'e ser ni!o na definição da 'iew;

,utro ponto importante sore as 'iews7 não podemos utilizar a !láusula ,"E" *D na definição da 'iew; Como uma e8!eção7 <uando se utiliza T, para limitar os [email protected]



C"E#TE V$E% V(T#*+ #S SELECT T, +FF C, . /,0E 1",0 T#*EL#+ ,"E" *D /,0E



Tamém não podemos utilizar as !láusulas C,0GTE. C,0GTE *D e $/T, dentro de uma 'iew;



Supondo <ue a T#*EL#+. utilizada na !riação da 'iew V(T#*+. possua somente os dois !ampos utilizados na 'iew . C, e /,0E; odemos fazer um instrução $/SE"T normalmente. !omo se fosse somente uma taela7 $/SE"T $/T, V(T#*+ V#LGES=+.5V#/ESS#5>





Huando utilizarem esta práti!a. tomem !uidado !om !ampos !al!ulados e e8pressões de [email protected]@ação feitos na definição da 'iew;



#s 'iews tamém podem se referen!iar a outras taelas de outros an!o de dados de outros ser'idores SHL Ser'er. ou mesmo de um ar<ui'o do #!!ess ou até uma taela do ,ra!le; # estas 'iews damos o nome de parti!ioned 'iews e possuem [email protected] !ara!ter:sti!as espe!iais



# partir do SHL Ser'er IFFF tamém podemos !riar um :ndi!e para a 'iew. !6amada de inde8ed 'iew. <ue mel6oram [email protected]!ati'amente a performan!e



#s 'iews tamém são uma importante ferramenta para simplifi!ar suas instruções SELECT7 ao in'és de 'árias su<uer5s. podemos en!apsular toda um [email protected]!a dentro de uma 'iew. tornando assim o [email protected] final da instrução em mais [email protected]:'el;



or ltimo. as 'iews podem ser utilizadas para e'itar o a!esso direto K taela; or e8emplo7 o usuário  não pode 'er o !ampo S#L#"$, da taela 1G/C$,/#"$,; Como fazer istoM Crie uma 'iew sem in!luir este !ampo e dN permissão de !onsulta K 'iew ao usuário  sem lierar o a!esso f:si!o K taela. o!ultando assim o !ampo S#L#"$,;



Sponsor Documents

Or use your account on DocShare.tips

Hide

Forgot your password?

Or register your new account on DocShare.tips

Hide

Lost your password? Please enter your email address. You will receive a link to create a new password.

Back to log-in

Close